Cordel de Condão volta à cena na Casa Pipa

Espetáculo será apresentado pelo Coro e Osso e pela Cia Labirinto nos dias 13 e 14


Após estreia e temporada de seis apresentações no final do ano passado com ingressos esgotados em todas as sessões, o espetáculo ‘Cordel de Condão’ voltará a ser apresentado em Matão no próximo sábado (13) e domingo (14). O espetáculo é fruto de um processo de dois anos e meio de trabalho que uniu a Cia Labirinto de Teatro e o Grupo Vocal Coro e Osso, entretecendo as linguagens das artes cênicas e da música.

“Em cena, 31 intérpretes atores-coristas fazem nascer o povoado da Vila da Asa, lugar fictício onde a trama se desenrola para contar a saga de João, o vaqueiro-herói-sertanejo. Trata-se de uma coleção de patrimônios históricos do imaginário cultural do Brasil. João não é ele, mas seu povo!”, menciona Juliano Jacopini, diretor geral, cênico e dramaturgo do espetáculo.

“’Cordel de Condão’ traz personagens emprestados da história cultural brasileira em uma roupagem aos moldes do encantamento em uma terra de povo e condão para falar do amor e da liberdade, sempre como nosso bem maior, tendo como aposta o ser humano”, completa Juliano. O diretor musical do espetáculo é Luiz Piquera e a direção visual, cenografia e lighting design competem a Alexandra Mariani.

SERVIÇO

Data: 13 e 14 de abril, às 20 horas

Local: Casa Pipa (Antiga Escola da Boa Vista), acesso pela Rua Vicente Russo (Azul Ville).

Ingresso: R$ 50,00 (inteira), R$ 25,00 (meia e solidário, mediante doação de alimento não perecível na entrada do evento), à venda com integrantes dos grupos e na Pódio Shopping Esportivo.

Realização: Casa Pipa, Cia Labirinto de Teatro e Grupo Vocal Coro e Osso.

Apoio: TG3 Design e Conteúdo, Immes, Doy Timbres e Cores, Extinbat, Pódio Shopping Esportivo, Matheus Ricci Films, Brasilux, Sincomércio e Jornal A Comarca.

*Haverá ‘comes e bebes’ à venda nos dias do espetáculo.

FICHA TÉCNICA

Elenco:

João - Thiago Gardini

Rosinha - Gabriela Ramos

Sa’lazão - Mabê Henrique

Mãe Menininha - Simone Marcondes

Anja Calunga - Ana Bacana

Anja Estandarte - Lilian Sampaio

Assum - Célio Gardini

Caboclos - Juliano Silva, Zeffa Rosa

Tecelã das Roseiras - Ellen Candido

Espera - Neia Pereira

Retirantes - Adriano Meira, Cris Biagioni, Gerson Bruno

Lampião - Ricardo Valzoni

Maria Bonita - Edna Gardini

Cangaceiros - Adriano dos Santos, Carol Rossi, Dede? Gabriel, Marcelo Queiroz, Rodrigo Bandeli, Vinha Bessan

Viúvo da Figueira - Douglas Aranha

Viúvas - Ana Bopp, Beatriz Lian, Cida Gandini, Inez Janini, Valderez Mendes

Vigário - Juliano Rossi

Fazendeiros - Ivan Ricci, Julio Miguel

Direção Geral, Direção Cênica e Dramaturgia: Juliano Jacopini

Direção Musical: Luiz Piquera

Direção Visual, Cenografia e Lighting Design: Alexandra Mariani

 


Fonte: Rogério Bordignon


  • Compartilhe com os amigos:


Deixe um comentário



Comentários