Hospital inaugura Cantinho da Amamentação

Espaço é destinado para as colaboradoras mães que retornam ao trabalho


Pensando na comodidade e segurança da colaboradora que retorna ao trabalho pós licença-maternidade, o Hospital ‘Carlos Fernando Malzoni’ inaugurou na última semana o Cantinho da Amamentação. “O cantinho foi pensado de forma a proporcionar um espaço cômodo e tranquilo para as colaboradoras seguirem com a amamentação. Mais de 90% da nossa força de trabalho é composto por mulheres, por isso, esse espaço vem de encontro às políticas de humanização, disponibilizando um local para as funcionárias terem um momento tranquilo com o bebê”, explica a superintendente do Hospital, Denise Minelli. Localizado no Centro de Atendimento Materno Infantil, o cantinho será um refúgio dentro da jornada de trabalho para a colaboradora manter a amamentação.

De acordo com o gerente de Recursos Humanos da instituição, José Venção, a infraestrutura foi montada com foco na higiene e tranquilidade. “Pensamos em montar esse espaço fora das instalações do Hospital e próximo ao Posto de Coleta de Leite Humano, que dará o apoio e orientação à mãe”, afirma Venção, que ainda completa: “O ambiente de trabalho deve acolher a mulher que amamenta e está retornando da licença maternidade, já que é um período delicado e, por vezes, de difícil adaptação para ela e o bebê”. Venção esclarece que a partir da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), durante a jornada de 8 horas ou mais, a colaboradora que é mãe tem direito a dois descansos especiais, de meia hora cada, para amamentar seu filho até que ele complete seis meses de idade.

A coordenadora do Posto de Coleta de Leite Humano, Thais Baldan, acredita que amamentação e trabalho podem sim ser conciliados. “A instalação dessa sala de apoio é fundamental para o sucesso do aleitamento, em que as principais beneficiadas são as crianças. Quando o bebê não puder chegar ao hospital para ser alimentado, a mãe tem um espaço com infraestrutura e higienizado para fazer a retirada e o armazenamento do leite e, ao final do expediente, levar o alimento para casa”, ressalta. Já para Denise Minelli, o Cantinho da Amamentação servirá de exemplo para que outros locais, tanto públicos como privados, tenham a iniciativa de organizar espaços semelhantes. “É importante que a mulher saiba que tem o apoio da empresa; algumas ainda fazem o desmame precoce por conta da volta ao trabalho. Essa situação vem se modificando e estamos fazendo a nossa parte com esse projeto”, conclui.


Fonte: AIHCFM


  • Compartilhe com os amigos:


Deixe um comentário



Comentários