Projeto contra tabagismo é desenvolvido na cidade

Respire Vida atende todas as quintas-feiras, às 8 horas, no Centro de Saúde


"Respire Vida – Eu quero parar de fumar" é um grupo de combate ao tabagismo, organizado pela Secretaria de Saúde em parceria com o Hospital ‘Carlos Fernando Malzoni’. O projeto tem a supervisão da enfermeira Keyle Aoliabi de Oliveira e das psicólogas Isabel Silva de Almeida e Roberta Camillo Vetuchi. As reuniões são realizadas em todas as quintas-feiras, às 8 horas, no Centro de Saúde (telefone 3383-4900). Quando é completado um ano de tratamento no projeto, os pacientes participam de uma confraternização com entrega de certificados apenas às pessoas que conseguiram parar de fumar.

De acordo com o INCA (Instituto Nacional de Câncer), o tabagismo é reconhecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como doença epidêmica que causa dependência física, psicológica e comportamental. Trata-se de um problema de saúde pública global que mata milhares de pessoas em todo o mundo. Em Matão, ações são feitas para o controle do tabagismo no município, junto ao poder público e à iniciativa privada.

O projeto funciona da seguinte maneira: no primeiro mês, os encontros são semanais; no segundo, passam a ser quinzenais; e a partir do terceiro, apenas uma vez por mês. O ‘Respire Vida’ age com várias formas de tratamento, como o Teste de Fagerström, que mede o grau de dependência à nicotina; o adesivo antitabagismo, medicamento controlado ou por conta própria em que o paciente não utiliza nenhum remédio ou material; além de terapias em grupo ou individuais.

Durante os encontros, o programa também alerta sobre as consequências do tabagismo não só aos usuários do cigarro, mas também aos fumantes passivos, com a inalação da fumaça de derivados do tabaco por indivíduos não fumantes que convivem com fumantes em ambientes fechados e têm um risco maior de desenvolver doenças relacionadas ao tabagismo.


Fonte: AIP


  • Compartilhe com os amigos:


Deixe um comentário



Comentários




Padre

Detido por embriaguez

Bebê

Engasgamento

Projeto

Barulho de fogos

Morto

Ex-comerciante