Operação Padroeira começa na quinta (11)

Cerca de 320 mil veículos devem passar pela rodovias AB Triângulo do Sol


Cerca de 320 mil veículos devem trafegar pelas rodovias administradas pela AB Triângulo do Sol durante a Operação Padroeira do Brasil, que começa nesta quinta-feira (11), às 16 horas, e segue até o domingo (14).

A expectativa de tráfego para a rodovia Washington Luís (SP-310), entre São Carlos e Mirassol, é de aproximadamente 208 mil veículos. Nas rodovias Brigadeiro Faria Lima (SP-326), entre Matão e Bebedouro, e Carlos Tonani/Nemésio Cadetti/Laurentino Mascari/Dr. Mario Gentil (SP-333), de Sertãozinho a Borborema, a expectativa de tráfego é de aproximadamente 65 mil e 47 mil veículos, respectivamente.

Em virtude da maior demanda de tráfego, todo o efetivo operacional da AB Triângulo do Sol estará nas rodovias, garantindo agilidade e rapidez no atendimento aos usuários. As praças de pedágio também operam de maneira diferenciada para a fluidez do trânsito.

Dias e horários com previsão de maior demanda de tráfego

11/10/2017 (quinta-feira) – entre 16h e 24h

12/10/2017 (sexta-feira) – entre 6h e 14h

14/10/2018 (domingo) – entre 15h e 22h

Emergência e recursos operacionais

Em casos de emergência, os usuários podem entrar em contato com a AB Triângulo do Sol por meio do número 0800 701 16 09 ou através dos telefones de emergência, disponíveis em todo o trecho sob concessão.

A concessionária disponibiliza aos usuários nove viaturas de inspeção de tráfego, oito guinchos, quatro caminhões munck/pipa e sete ambulâncias.

Recomendações aos usuários

A AB Triângulo do Sol ressalta que o motorista deve adotar algumas medidas antes de seguir viagem, para evitar transtornos durante o trajeto. A manutenção preventiva dos veículos e a verificação de itens como pneus, luzes e freios são fundamentais para a segurança, assim como o respeito às leis de trânsito.

É importante ainda que o motorista respeite os limites de velocidade da via, não beba antes de dirigir, não utilize o celular ao volante e acenda os faróis durante o dia ao trafegar em rodovias. Além disso, todos os ocupantes do veículo devem utilizar dispositivos de retenção (cinto de segurança e assentos específicos para crianças).

Quando houver criança no veículo, deve-se observar a Lei da Cadeirinha (Resolução 277 do Contran), que determina que bebês de até um ano de idade devem ser transportados no bebê conforto, de costas para o painel. De um a quatro anos, as crianças devem ser colocadas em cadeiras para auto. Entre quatro e sete anos e meio, o ideal é que utilizem assento de elevação. Já crianças acima de sete anos e meio até dez anos devem viajar somente no banco traseiro, com a utilização do cinto de segurança. Após os dez anos de idade, a criança poderá viajar no banco dianteiro utilizando o cinto de segurança.


Fonte: Da Redação


  • Compartilhe com os amigos:


Deixe um comentário



Comentários